Sinalização para bike: saiba quais são e como colocar

Quando andamos de bike, estamos sujeitos às condições do trânsito e do ambiente. Avenidas muito movimentadas ou pouco, com alta incidência de luz ou quase nenhuma e muito mais. Por isso, ter os acessórios ideias é essencial!

Para quem ama fazer trilhas e se aventurar com a bike durante a noite, existem alguns equipamentos necessários para garantir que você tenha segurança a todo tempo, eles se chamam sinalizadores. Hoje, existem modelos e tipos variados de sinalização para bike que você precisa conhecer. Acompanhe a leitura!

Por que a sinalização para bike é importante?

No mercado de ciclismo, inclusive na nossa loja, você encontra sinalizadores variados para sua bike. Cada um deles possui uma função diferente, a fim de trazer segurança para você e para outros indivíduos que transitam nas áreas do seu pedal.

foto aproximada de sinalizador proximo ao pneu da bike

Essa sinalização é importante porque é capaz de te trazer visibilidade durante a noite, percebendo buracos, pedras, carros, animais e outros obstáculos e, também, para te tornar visível para outras pessoas.

Principais modelos de sinalizadores para bike

Alguns dos modelos de sinalização para bike possuem raio de abertura maior, mais intensidade, menos intensidade, cores diferentes e muitas outras especificidades que você pode (e deve) levar em conta. É indicado ter, pelo menos, 4 sinalizações na sua bike para te trazer segurança e qualidade ao pedalar. Elas são

1. Farol iluminador

O farol iluminador deve ser apontado para baixo para que o caminho que você está percorrendo seja claro e bem visível. Se essa luz fica muito alta, fora do recomendado, dependendo de sua potência pode ofuscar os olhos e prejudicar motoristas ou ciclistas por perto.

foto aproximada de farol iluminador frontal proximo ao guidao da bike

2. Sinalização traseira

Esse tipo se assemelha aos faróis traseiros de um carro. É uma pequena luz vermelha colocada no cano traseiro do selim que permite avisar a sua posição aos transportes que estão atrás de você.

foto de parte traseira de bike com farol vermelho de sinalizaçao

3. Capacete com luz

Os capacetes, assim como o selim, podem ter uma luz frontal, em geral branca, para iluminar melhor o caminho. Assim como adesivos refletivos que vai te tornar ainda mais visível durante a noite.

Além disso, para pedais noturnos, você também pode usar roupas refletivas, próprias para o pedal, que oferecem visibilidade para outros motoristas, além de te deixar mais seguro(a) e confortável.

Fontes de energia para sinalização de bike

Com o avanço tecnológico e o interesse das pessoas com o ciclismo, hoje, nesse mercado, existem vários sistemas de iluminação para todos os tipos de bicicleta. Você pode encontrar os que são movidos a pilha e, também, vários outros modelos com bateria recarregável.

Ambos os tipos de energia possuem suas vantagens e desvantagens, vamos apresentar algumas delas para que você entenda qual é a ideal para você:

  • recarregável: esse tipo de fonte de energia é muito vantajoso, já que, quando a bateria dos sinalizadores acaba, você apenas precisa colocar ela na tomada. E as luzes movidas por esse tipo de bateria avisam quando a energia está acabando, para que você não seja pego desprevenido.
  • pilha: as pilhas possuem uma ótima vantagem por serem fáceis de carregar na mochila, sendo assim, quando acabar a energia do sinalizador, basta trocar as pilhas. Uma desvantagem é que as pilhas não avisam quando estão acabando, elas apenas vão perdendo sua potência até acabarem de vez e você pode até não perceber. Estar sempre munido(a) com trocas de pilha é importante em seus pedais caso tenha sinalizadores movidos a pilha!

Como instalar as sinalizações das bikes

Mesmo sabendo que existem modelos diferentes de sinalização para bike, quando pensamos nos dispositivos mais comuns, a instalação de cada um deles não é muito diferente.

Os sinalizadores frontais e traseiros podem acompanhar duas borrachas: uma com diâmetro menor e outra com um diâmetro maior. Se você quiser instalar seu sinalizador no selim da bicicleta, deve usar a borracha maior, se for instalar nos ferros próximos à roda traseira ou no guidão da bike, utilize a borracha menor.

  1. mantenha o botão que liga o sinalizador voltado para cima;
  2. coloque o aparelho na posição correta;
  3. pegue a borracha escolhida e transpasse encaixando do gancho direito, por exemplo, para o gancho do lado esquerdo do sinalizador;
  4. faça isso de modo que essa borracha passe por trás do cano da bicicleta, prendendo o sinalizador contra a bicicleta;
  5. certifique-se de que o sinalizador está preso e firme para te trazer segurança.

Faça todos esses passos com atenção e cuidado para que tudo fique em seu devido lugar, instalados firmemente, garantindo, assim, sua segurança e daqueles que estão em sua volta. E para aumentar ainda mais isso, não deixe de ter outros acessórios à sua disposição!

foto de ciclista pedalando a noite com farol traseiro e dianteiro ligados

Essas informações foram úteis para você? Não se esqueça de compartir com seus amigos ciclistas e, também, confira o post do nosso blog sobre quais equipamentos o ciclista iniciante precisa ter que acreditamos que você pode se interessar em saber a respeito. Até mais!

2 comentários em “Sinalização para bike: saiba quais são e como colocar”

  1. Curto muito sobre este assunto, segurança e tudo pra mim , eu pedalo todos os dias pois vou pro trabalho com a bike são 10 kms todos os dias,e ainda dirijo caminhão e vejo muita imprudência se outros aqui por Niterói RJ…temos que ser vistos na estrada ..

    Responder

Deixe um comentário